Notícia
Postada em 12/05/2016 às 18:16 Primeiro dia de Jornada Técnica é realizado nesta quinta-feira (12)
A Escola Nacional de Árbitros de Futebol da CBF, em parceria com a Federação Cearense de Futebol, realizou o primeiro dia da Jornada Técnica sobre as novas regras de jogo. O evento aconteceu na manhã desta quinta-feira (12), no hotel Amuarama. Estiveram presentes, além de membros da FCF, a instrutora FIFA e ex-árbitra assistente de futebol, Ana Paula Oliveira.

Ana Paula Oliveira ficará em terras Alencarinas até esta sexta-feira (13), quando haverá o encerramento da Jornada Técnica sobre as novas regras de arbitragem adotadas a partir da 1ª rodada dos Campeonatos Brasileiros. A instrutora ministrou palestra sobre as mudanças implantadas no novo livro de regras da arbitragem para os representantes de clubes e imprensa que prestigiaram o evento.

O vice-presidente da FCF, Eudes Bringel, iniciou os trabalhos agradecendo a presença de todos e também à iniciativa da entidade máxima do futebol nacional. “Gostaria de agradecer a todos os que estão aqui presentes e também a CBF, por promover esta Jornada Técnica. A FCF fica muito feliz por apoiar esse trabalho, que conta com profissionais capacitados para levar essas mudanças aos estados brasileiros e ajudar a todos os setores, seja de arbitragem, clube ou imprensa, a assimilar as novas regras.”

A instrutora FIFA e ex-árbitra assistente de futebol, Ana Paula Oliveira, ministrou palestra sobre as novas regras aos presentes e falou da importância da Jornada Técnica para todos os envolvidos numa partida de futebol. “É importante que clubes e imprensa participem desse encontro? Sim, porque a partir do momento que todos têm informação vão entender melhor o jogo e facilitar a atuação dos árbitros, coibir a violência dentro de campo e favorecer ao jogo. Eu entendo que as mudanças nas regras vêm pra somar, pra ajudar aos árbitros e aos jogadores e para melhorar o futebol brasileiro”, falou Ana Paula.

Uma das principais mudanças no livro da arbitragem foi anotada na regra 12. “Quando há disputa diretamente relacionada à oportunidade clara de gol dentro da área penal, o jogador era punido com o cartão vermelho. Com a mudança, passará a ser usado o cartão amarelo, salvo se houver puxão, empurrão ou o atleta segurar o jogador adversário. Outro detalhe importante é que, de acordo com as novas regras, não será mais permitida nenhuma forma de agressão, seja com os árbitros ou com jogadores, o que favorece o fair play”, explicou a instrutora.

Para os membros da comissão técnica e jogadores, Ana Paula avisa: “Em lances pitorescos de massagistas ou preparadores físicos que interferirem no campo de jogo, anteriormente era marcado bola ao chão. Agora, a punição ficou mais severa. Os atletas ou membros da comissão técnica de um time que estão fora de jogo e que acham que poderiam, de alguma forma, contribuir com seu time ao entrar em campo e defender uma bola fica o recado: não façam mais isso, porque o prejuízo vai ser bem maior do que a intenção que você teve de salvar o gol. Com a mudança, a nova regra manda expulsar o ‘intruso’ e ainda marcar um tiro penal pra equipe adversária”.

Manuella Viana / Kerlya Chaves
Assessoria de Comunicação da Federação Cearense de Futebol
(85) 32066505 / 991384545
imprensa@futebolcearense.com.br

Competições









    FCF Diretoria Localização CBF Atletas por Clube Boletos BID-E Ficha do Atleta DOWNLOADS 2020 2019 ARBITRAGEM Quadro Regras TJDF CLUBES 1ª Divisão 2ª Divisão 3ª Divisão Não Profissionais Inativos Ligas Campeões Ranking CAMPEONATOS Série B 2020 Pro Clubs 2020 Ypioca 2020 Sub/13 2019 Feminino 2019 Copa Uninta Sub/19 2019 Master 50 2019 IMPRENSA Notícias Imagens Vídeos FIQUE EM CONTATO Ouvidoria Links Youtube Twitter RSS  
 
Federação Cearense de Futebol - Rua Paulino Nogueira, 77, Benfica - (85) 3206.6500 - ouvidor@futebolcearense.com.br