Notícia
Postada em 27/03/2014 às 14:14 Nota de Esclarecimento à Nota de Repúdio publicada pelo Fortaleza Esporte Clube
A Federação Cearense de Futebol, motivada por uma nota de repúdio assinada pelo Conselho Deliberativo e Diretoria Executiva do filiado Fortaleza Esporte Clube, mais uma vez na semana que antecede o Clássico-Rei, vem esclarecer ao torcedor do Fortaleza Esporte Clube e demais torcedores sobre as acusações descabidas e infundadas assacadas na referida nota.


a)Na Ata do Conselho Técnico do Cearense Onix (na época ainda denominado Cearense Chevrolet), não contestada por qualquer agremiação participante do campeonato até 27/03/2014, consta que a reunião se iniciou por volta das 15 horas, com representantes dos seguintes clubes: Ceará, Crato, Ferroviário, Fortaleza, Guarany de Sobral, Horizonte, Icasa, Itapipoca, Tiradentes e Quixadá. O documento, publicado no site oficial da FCF (futebolcearense.com.br) desde o dia 02/10/2013, descreve o processo da reunião, portanto desqualificando e refutando qualquer interferência do presidente da FCF, Mauro Carmélio, na escolha e/ou votação da fórmula eleita.

Para acessar a Ata do Conselho Técnico: clique aqui

b)A Federação Cearense de Futebol reitera que as cotas de Ceará e Fortaleza foram negociadas diretamente com a detentora dos direitos de transmissão, ficando a FCF isenta de participação na definição de valores e vencimentos, bem como do número de parcelas, não recebendo percentual sobre estes valores, no entanto, por força de contrato no qual a FCF restou responsável pelo repasse das cotas, conhece os detalhes das negociações.

Os filiados Fortaleza Esporte Clube e Ceará Sporting Club negociaram suas cotas com a detentora dos direitos de transmissão em parcelas. O Ceará em parcela única e o Fortaleza em três parcelas, desqualificando, por consequência, a acusação de que o Ceará teria sido beneficiado nas negociações, sendo de total responsabilidade dos respectivos gestores de cada clube a forma de recebimento dos valores da cota da TV que cabe ao filiado.

c)Quanto à questão do calendário, nota-se que todos os clubes passaram pela mesma situação, em razão da excepcionalidade gerada pelos eventos da Copa do Mundo FIFA 2014, o que encurtou o período para a realização de jogos. Tais argumentos foram levantados durante a audiência havida na 14ª Vara do Trabalho, em 17/01/2014, no processo nº 0001948-64.2013.5.07.0013, tendo sido aceitos pela Justiça do Trabalho, pelo Ministério Público do Trabalho, pelo Sindicato dos Atletas e pelos clubes presentes, entre eles o Fortaleza Esporte Clube.

Necessário ainda destacar que a Federação Cearense de Futebol não aprova as datas de competições conforme sua própria conveniência, estando vinculado a um calendário nacional orientado pela Confederação Brasileira de Futebol – CBF, devendo, pois, cumpri-lo e adequar as datas competitivas locais ao parâmetro geral da CBF. Portanto, a definição de datas e as eventuais inconveniências surgidas em face do calendário futebolístico local não são resultado da atuação unilateral da FCF, mas decorrentes também de fatores externos que ultrapassam sua capacidade de interferência.

Além disso, deve-se lembrar que o Ceará Sporting Club e o Guarany Sporting Club se classificaram para a Copa do Nordeste por seus próprios méritos, dentro de campo. Acaso o Fortaleza estivesse competindo em referido campeonato e obtido o mesmo êxito de chegar à final, receberia o mesmo tratamento dispensado àquele que chegou.

d)Em relação às mudanças de mando de campo por parte da equipe do Guarani Esporte Clube, convém salientar que a FCF é apenas comunicada dentro do tempo hábil previsto no RGC, pela equipe mandante onde serão realizados seus jogos. Em tendo sido o local aprovado pelos órgãos competentes, só resta à FCF acatar o pedido do filiado mandante da partida.

e)Quanto a suposto privilégio ao Ceará Sporting Club na comercialização de placas de publicidade, tal fato é absolutamente inverídico. A FCF possui contrato de comercialização de publicidade do Campeonato Cearense firmado em 2010, com validade até o fim de 2014, com pessoas jurídicas com atuação na área de publicidade, e não com determinada agremiação desportiva. É prerrogativa única e exclusiva da FCF escolher com que empresa e/ou representantes firmar contratos acerca de publicidade, sem que os clubes, no entanto, saiam prejudicados de qualquer forma. Apesar de tão óbvio, deve-se ressaltar que as pessoas físicas não se confundem com clubes de futebol para os quais torcem ou dos quais fazem parte.

f)A comercialização dos naming rigths de qualquer campeonato promovido pela Federação Cearense de Futebol é de responsabilidade da própria entidade. Vale ressaltar, no entanto, que no Cearense Onix são distribuídos como prêmio dois carros do modelo que dá nome à competição, sendo que um deles já foi conquistado pelo Fortaleza Esporte Clube, por ter vencido a primeira fase. Tal negociação é comum no futebol nacional, a exemplo do campeonato paulista, o qual é realizado com o firmamento de patrocínios com a mesma empresa automobilística, recebendo também o campeonato o nome Onix. Importante salientar que tais patrocínios, além de comuns e legais, são importantes para a realização do campeonato, cobrindo despesas diversas e permitindo o adequado funcionamento da competição.

g)As datas das semifinais e finais do Cearense Onix foram discutidas em reunião na CBF, com representantes da TV Globo, TV Esporte Interativo, Federação Pernambucana de Futebol e Federação Cearense de Futebol (na pessoa do presidente Mauro Carmélio), no intuito de evitar choques e/ou atropelo de datas para clubes que disputam o estadual de cada Federação, a Copa do Nordeste e Copa do Brasil, sem deixar de lado os interesses das emissoras que detém os direitos de transmissão de uma ou todas as competições. Ao término da reunião, as datas 06 e 13 de abril foram indicadas para realização das semifinais dos estaduais de Pernambuco e Ceará, bem como as datas 16 e 23 de abril indicadas para realização das finais destes mesmos estaduais. A FCF, então, apenas acatou o que foi decidido em reunião na CBF.

h)As razões expostas anteriormente respondem às afirmações da nota do FEC no que diz respeito às suas acusações de alterações de datas com o fim de beneficiar determinado clube.

A Federação Cearense de Futebol considera as acusações da nota publicada pelo Fortaleza Esporte Clube como levianas e irresponsáveis. A incitação feita pelo FEC aos seus torcedores contra a FCF traduz conduta inconsequente, podendo gerar enormes prejuízos não apenas à entidade, mas também ao próprio futebol cearense, vez que se gera um ânimo negativo sem bases justificáveis que podem interferir prejudicialmente no regular andamento da competição.

A Federação Cearense de Futebol não admitirá imputações inverídicas, irresponsáveis e infundadas contra sua diretoria e seu presidente por parte de qualquer clube que seja, gerando injustificada reprovação de sua torcida em face de deturpação de fatos com o único intuito de alarmar a opinião pública e desviar sua atenção. O campeonato se vence dentro de campo, e não em discussões e afirmações inverídicas que se promovem nos corredores das entidades futebolísticas.

Repise-se que o atual presidente da FCF, bem como sua família, possui história dentro do próprio Fortaleza, tendo tido dois parentes próximos ocupando a presidência do clube, sempre honrando a agremiação esportiva. Renova também a promessa de continuar tratando com a mesma seriedade todos os filiados.

Mauro Carmélio é, inclusive, sócio-proprietário do Fortaleza Esporte Clube, não tendo ninguém na atual diretoria do clube com mais tempo de sociedade à equipe.

Ademais, é de se dizer que a Diretoria do Clube será responsabilizada por quaisquer danos à FCF, bem como aos seus dirigentes, em razão da desnecessária incitação à violência feita em sua nota.

A FCF conclama a todos que promovam a paz no esporte, posto que as batalhas futebolísticas devem ser travadas dentro das quatro linhas, único local adequado para a prática das paixões clubísticas.

Competições









    FCF Diretoria Localização CBF Atletas por Clube Boletos BID-E Ficha do Atleta DOWNLOADS 2019 2018 ARBITRAGEM Quadro Regras TJDF CLUBES 1ª Divisão 2ª Divisão 3ª Divisão Não Profissionais Inativos Ligas Campeões Ranking CAMPEONATOS Série C 2019 Sub/15 2019 Sub/13 2019 Feminino 2019 Copa Uninta Sub/19 2019 Feminino sub/20 2019 Master 50 2019 IMPRENSA Notícias Imagens Vídeos FIQUE EM CONTATO Ouvidoria Links Youtube Twitter RSS  
 
Federação Cearense de Futebol - Rua Paulino Nogueira, 77, Benfica - (85) 3206.6500 - ouvidor@futebolcearense.com.br